JE T'AIME - LARA FABIAN

LADY - LIONEL RICHIE

21.12.08

Endofasia



Na minha endofasia te falo em surdina
para que ninguém saiba deste amor
que, de noite vindo visitar esta menina,
ao seu amado se entrega com fervor

Nos teus versos encontro a ousadia
que o meu corpo ressequido precisa
para arrancar de vez a cínica letargia
que a minha libido sufoca e inferniza

Quantas horas em branco passadas
em devaneios profanos e atrevidos
e quantas cenas sensuais e ousadas
para exorcizar a ditadura dos sentidos

Na minha insanidade sou mulher fatal,
musa, Cinderela, sereia ou meretriz
que se deleita em ser anja e for do mal
para, à loucura te levando, te fazer feliz

Há uma eternidade que eu te espero
de passado limpo e de vestes despojada,
para pertencer ao homem leal e sincero
e para sempre por ele me sentir amada…



Lud MacMartinson - LUXEMBURGO, 21-XII-2008

1 comentário:

Anonymous disse...

Porque as pessoas precisam achar que estão insanas para assumir suas fantasias...quem já não teve devaneios e desejos que nunca tiveram coragem de assumir...Qual a mulher que nunca quiz ser a meretriz que seu homem deseja...É lindo esse poema, poderia se tornar realidade se tivéssemos menos preconceitos para sermos o que desejamos ser....Uma pessoa inteira e assumida de suas necessidades: "E realizar fantasias é uma delas".