JE T'AIME - LARA FABIAN

LADY - LIONEL RICHIE

14.12.08

Amor Bandido

AMOR BANDIDO



Quando a noite vem
E você se aproxima
Sinto ir mais além
Porque você me azucrina
E me faz ser quem
Te ama e te fascina...

Perdido nos teus braços
Não vejo o tempo passar
Atando nossos laços
Conjugamos o verbo amar
Com beijos e abraços
Até o amor jorrar...

Percorrendo seus traços
Viajo nas nossas fantasias
Como sombra dos passos
Que persigo e me extasia
Para sublimar os cansaços
Até ao raiar do dia...

Desejo morrer de prazer
A desfrutar este amor bandido
Que por muito me querer
Se tornou mais enaltecido
Para que o pudesse comer
E saborear como fruto proibido...

Perdidamente apaixonada
Me encontro neste amor
Para seguir a minha estrada
Com todo o meu ardor
Não temo ser condenada
Por te amar com despudor...


Lud MacMartinson / LMMP


Amor Bandido



O sol se pôs
E logo em seguida
Vem o amor entre nós dois.
São horas de carinho
No nosso pequeno ninho.

Temos que aprender e entender
Que não podemos se opor
Desse nosso amor.
Ele é rasgado, suado,
Sofrido e vivido

Ele é pisado, maltratado
Cansado e partido.
É simplesmente o nosso amor ...
O nosso amor bandido.

Ah! quem me dera...
Que o tempo parasse...
E que a gente se amasse novamente,
Mas é pedir demais.
Eu queria tanto que você voltasse
E que me abraçasse,
Mas você... não volta atrás

Ah! Meu amor...
Como eu queria que você me beijasse,
Me acariciasse e que me desejasse,
Mas de você...
Nunca mais...
O nosso amor bandido...
Foi dividido.



Valéria Gail
( nb: dueto escrito em 2006 para a fundação do
ENGENHO D'ARTE )

Sem comentários: