To love you more - Celine Dion

Lady - Lionel Richie

28.11.08

Quando você vem...


























Amor, quando você vem,
sinto um prazer imenso
e um desejo que me retém
prisioneiro e hipertenso

Se você soubesse, menina,
como é sublime esse olhar,
até mudaria a sua sina
para comigo poder viajar

de mão dada pelo infinito
a contar todas as estrelas
e a dizer num doce grito
tudo o que sinto por elas

Quando você fica comigo
Meu olhar começa a viajar
E faz do seu corpo o abrigo
Onde lhe apraz descansar

E sentir o calor do coração
Se transformar no desejo
Que entra em combustão
Quando sorridente te vejo


Lud MacMartinson - LMP - Luxemburgo

1 comentário:

Anonymous disse...

Tem tanto amor transbordando desse poema que me deixa sem fôlego.....como tem pessoas abençoadas pelo destino que conseguem ter alguem como vc a seus pés e talvez nem se dêem conta disso.....a vida é muito extranha, quem tem não vê e quem quer não consegue.....o que dizer das voltas da vida....nada sabemos desses labirintos criados por alguem a meu ver muito brincalhão que faz de nós marionetes,fantoches por vezes engraçados outros patéticos......